AGRIVALLE OBTÉM REGISTRO PARA PRODUTO BIOLÓGICO QUE CONTROLA MOSCA BRANCA

Presente nas mais diversas culturas agrícolas, Uma das ferramentas cada vez mais adotada no campo é o controle biológico, uma tendência na agricultura mundial, que movimenta anualmente cerca de US$ 3 bilhões.  No Brasil, estimativas mostram que o setor deve crescer cerca de 20% até o ano de 2020.Inseticida Microbiológico AUIN®, para o manejo da mosca branca em soja, feijão, batata, tomate, entre outras culturas. Crédito Agrivalle

Com objetivo de oferecer uma ferramenta diferenciada para o controle desta praga, a Agrivalle acaba de receber o Registro do Inseticida Microbiológico AUIN® para o manejo da mosca branca nas culturas da soja, feijão, batata, tomate, entre outras. O produto pode ser usado pelos produtores orgânicos e também pelos que cultivam no sistema convencional. AUIN® é composto à base do fungo Beauveria bassiana, que além da mosca branca age em várias pragas agrícolas, como o moleque-da-bananeira e o ácaro rajado.

Desenvolvido pelo Departamento de Pesquisas da Agrivalle, AUIN® oferece todas as vantagens do controle biológico: Não deixa resíduos químicos nas plantas, frutos ou no ambiente, é seguro para os consumidores e trabalhadores que manuseiam o produto no campo, não há período de carência para o consumo de vegetais tratados com o produto e promove o equilíbrio natural no ambiente não permitindo o aparecimento de pragas resistentes.

A mosca branca (Bemisia tabaci) é de difícil controle e está na lista do Ministério da Agricultura e Abastecimento (MAPA) como uma das pragas com maior potencial para gerar prejuízos nas lavouras.

A chegada deste produto para o manejo da mosca branca é de extrema importância para os programas do Manejo Integrado de Pragas (MIP).  “O AUIN® age no controle em todas as fases da mosca branca. Os melhores resultados são obtidos quando o tratamento é feito ainda nas fases iniciais de seu desenvolvimento (ninfas) e até mesmo preventivamente”, explica Wagner Coladel, gerente de Marketing da Agrivalle. Segundo ele, o potencial de eficiência do novo produto pode chegar a 85%, quando conduzido de modo adequado, reduzindo ou eliminando sua população e garantindo a qualidade, a produtividade, bem como a rentabilidade das plantações.

A Agrivalle localizada em Salto (SP) foi constituída em 2012 a partir da fusão entre as empresas Supra Fertilizantes, Agrihaus do Brasil e MFB Agrícola, com vertentes de controle biológico e fertilizantes especiais, que atuavam no mercado desde 2003. A empresa tem investido em ferramentas inéditas de controle biológico, nutrição multifuncional e bioestimulantes especiais, setores em ampla expansão e crescimento no Brasil e com uso já consolidado em países europeus, como a Holanda e Espanha.

Foto: Inseticida microbiológico AUIN da Agrivalle.

Crédito: Divulgação.

Veja também

Dane Aimage004

VEÍCULO AÉREO NÃO TRIPULADO: VOCÊ SABE QUEM REGULAMENTA ESSE ASSUNTO NO BRASIL?

ARTIGO DO DIRETOR SUPERINTENDENTE DO INSTITUTO AVANZI, DANE AVANZI Os VANTs, veículos aéreos não tripulados, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *