ALE NEK’S, PIZZARIA TEMÁTICA, AVANÇA COM PROJETO DE REDE DE FRANQUIAS NACIONAL

A trajetória da Ale Nek´s, pizzaria temática de Uruguaiana (RS), começou na década de 90 quando Virgínia Ueda, a Neka, ainda na infância sonhava junto com um primo Álex em abrir um estabelecimento para promover boas experiências aos consumidores e encantar o mundo. O negócio foi pensado por anos para crescer, brilhar e se tornar uma rede de franquias levando produtos de alta qualidade, ambiente criativo e inovador para todo o território nacional. “Criamos a marca em uma brincadeira de criança, na beira da praia, já pensando em oferecer diversão e bom atendimento aos clientes”, relembra Virgínia.

Em 2020, em plena pandemia de Covid-19, a empreendedora percebeu que era o momento certo para colocar o projeto em prática e inaugurou a primeira pizzaria da Ale Nek´s – A Pizza da Capitã. Um estabelecimento temático e instagramável com 200 m², onde o mundo dos mares é o pano de fundo. Cardápio, ambientes, janelas, mesas, decoração, tudo foi pensado para remeter ao universo pirata e ao navio; que representam de forma lúdica as mulheres que nunca desistem dos seus sonhos e se tornam capitãs de suas trajetórias.

Na pizzaria, os clientes são os exploradores e podem escolher todos os itens, desde a massa até a finalização dos recheios, para customizar sua moeda de ouro, ou seja, preparar sua pizza de forma exclusiva em apenas alguns minutos. “Eu não queria ter mais uma pizzaria na cidade, queria fazer a diferença. Queria que meu cliente se sentisse único, que ele pudesse colocar o próprio gosto em primeiro lugar, escolher os ingredientes, inventar combinações e montar seu pedido de forma personalizada”, explica.

Evidenciando as características principais da marca, trazendo a essência da praia e dos mares, a Ale Nek´s tem o propósito de ajudar outras pessoas a também realizar sonhos e valorizar o empreendedorismo feminino. “Desde a primeira ideia sobre a empresa, ainda na infância, já pensava em um logotipo de capitã para mostrar as mulheres que acreditam em seus potenciais e estão cada vez mais a frente de negócios. Hoje 90% de nossas colaboradoras são mulheres, elas são batalhadoras, mulheres com lindas histórias, aquelas que não se escondem mais no convés do navio; hoje elas são as capitãs das suas vidas e lares”, afirma Virgínia Ueda.

A marca, que é sucesso desde o lançamento, fatura em média R$150 mil por mês. Em março de 2021 iniciou o processo de expansão por meio do franchising em parceria com a De Biase Aceleradora. Hoje são mais de 100 interessados em abrir uma operação da Ale Nek´s; a expectativa é chegar a 50 franquias vendidas em diversos estados brasileiros e faturamento de R$10 milhões até o final do ano.

 

Foto: Empreendedora Virgínia Ueda.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

TOLEDO DO BRASIL DESENVOLVE BALANÇA PARA O PEQUENO COMÉRCIO

Para atender a demanda de rotisseries, açougues, sorveterias, hortifrutis, mercearias e minimercados, que normalmente não …

Facebook
Twitter
LinkedIn