CAMPINAS APRESENTA PROJETOS DE INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL DA CIDADE A EMPRESÁRIOS

Empresários em busca de inovação chegam a Campinas nesta quarta-feira (06/11) para conhecer laboratórios, equipes e projetos de Inteligência Artificial de duas Unidades EMBRAPII na Cidade: CPqD e Eldorado. A iniciativa, promovida pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII) e pela Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI)  busca aproximar o empresariado brasileiro de instituições referência em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) e, assim, gerar novos negócios e cooperação tecnológica. O grupo também conheceu o ecossistema de inovação de Porto Alegre e Florianópolis.

A Inteligência Artificial é uma das tecnologias com maior potencial de promover mudanças na indústria. A Pesquisa Indústria 2027 destaca que mercado de inovações para inteligência artificial movimentará US$ 60 bilhões ao ano no mundo até 2025. Os números mostram ainda que quase 60% das empresas consideram alta ou muito alta a probabilidade de utilizarem, até 2027, processos automatizados com apoio de inteligência artificial e utilização de Big Data Analytics na gestão de seus negócios. “A Inovação é a base da competitividade e produtividade. O Programa permite à indústria conhecer quanto nossas Unidades estão preparadas para atender a sua demanda por inovação, contribuindo para dar início a futuras parcerias”, destaca o diretor de Planejamento e Gestão da EMBRAPII, José Luis Gordon.

Em Campinas, a imersão visitará a Unidade EMBRAPII Eldorado, dedicado à Tecnologia da Informação e Comunicação e Telecom. A instituição já firmou 24 projetos EMBRAPII, que totalizam R$ 45 milhões. Os participantes também vão conhecer a Unidade EMBRAPII CPqD (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações), instituição responsável por projetos expressivos e inovadores em sistemas de comunicações ópticas do país. Na EMBRAPII, a Unidade responde por 48 projetos, que juntos somam em R$ 72 milhões.

O Programa de Imersão é uma iniciativa do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) com apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). Mais de 500 executivos de uma centena de organizações participaram das visitas organizadas desde 2016.

A EMBRAPII, organização vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, atua por meio da cooperação com instituições de pesquisa científica e tecnológica, públicas ou privadas, tendo como foco as demandas empresariais e como alvo o compartilhamento de risco na fase pré-competitiva da inovação. Atualmente há 42 unidades credenciadas pelo país.

O financiamento da instituição obedece a seguinte regra geral: a EMBRAPII pode investir até 1/3 das despesas das Unidades com projetos de PD&I (recursos não-reembolsáveis), enquanto o restante é dividido entre a empresa parceira e a Unidade. Ao compartilhar riscos de projetos com as entidades (por meio da divisão dos custos do projeto), estimula-se o setor industrial a inovar mais e com maior intensidade tecnológica para, assim, potencializar a força competitiva das empresas no mercado interno e internacional.

 

Foto: diretor de Planejamento e Gestão da EMBRAPII, José Luis Gordon.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

HÁ 32 ANOS, ROGÉRIO MENEZES É REFERÊNCIA NO SEGMENTO DE LEILÕES NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Rogério Menezes Nunes, nomeado Leiloeiro Oficial pela Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro  …

Facebook
Twitter
LinkedIn