CAMPINAS E REGIÃO VÃO RECEBER R$ 443,4 MILHÕES COM 13º SALÁRIO DE APOSENTADOS E PENSIONISTAS

A Associação Comercial e Industrial de Campinas (Acic) informou que o comércio de Campinas e Região receberá uma injeção de cerca de R$ 443,4 milhões, o que representa 50% do 13º salário dos aposentados e pensionistas. O montante representa 15,10% do volume de vendas e deve ser liberado entre os dias 27 de agosto e 10 de setembro. Somente em Campinas, a injeção deve ser em torno de R$ 200 milhões, o que corresponde a 14,85% do volume de vendas no comércio campineiro. Laerte Martins

Em 2017, os campineiros utilizaram cerca de 51% desse adiantamento para o consumo, 42% para a inadimplência e 7% para a poupança. Se o resultado for o mesmo do ano passado, cerca de R$ 102,2 milhões vão para o consumo, R$ 84,1 milhões para a inadimplência e R$ 14 milhões para a poupança. Já na Região Metropolitana de Campinas (RMC) a distribuição seria de R$ 226,1 milhões para o consumo, R$ 186,2 milhões para a inadimplência e R$ 31,1 milhões para investimentos em poupança. “Diante de nosso cenário econômico, com os seus principais indicadores desfavoráveis, a utilização desses recursos deve sofrer alterações consideráveis pelos aposentados, frente à queda do poder de compra dos consumidores”, avalia o diretor de Economia da Acic, Laerte Martins.

Em toda a economia brasileira o adiantamento do 13º salário dos aposentados e pensionistas movimentará cerca de R$ 20,3 bilhões. Conforme determina a legislação, não haverá desconto de Imposto de Renda sobre o adiantamento. O imposto sobre o valor só será cobrado na segunda parcela do 13º salário, a ser paga junto com a remuneração de novembro.

Foto: Diretor de Economia da Acic, Laerte Martins.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

COMO A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL AFETA O VAREJO AUTOMOTIVO

É sabido que a tecnologia avança diariamente em grande velocidade. Todos os dias surgem novos …

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
LinkedIn