CINCO ALIMENTOS SÃO IMPORTANTES PARA MANTER A IMUNIDADE ALTA

Neste dia 31 de março é comemorado o dia do nutricionista e ao contrário do que muita gente pensa, a função destes profissionais é bem mais abrangente do que apenas indicar dietas na hora de perder alguns quilinhos. Ciências da Saúde e Biológicas, Bases Metabólicas, Nutrição e Desenvolvimento Humano e Saúde Coletiva são algumas das disciplinas que fazem parte da formação dos nutricionistas. A saúde está diretamente ligada à alimentação e sua orientação é essencial para garantir a melhor nutrição para pessoas de todas as faixas etárias, em fases específicas da vida como na gestação e na terceira idade, ou mesmo no caso de problemas como diabetes e hipertensão arterial. “Um bom funcionamento do sistema imunológico depende de uma série de fatores, incluindo a alimentação saudável”, destaca Érica Blascovi, nutricionista clínica e esportiva, docente de cursos de graduação e pós-graduação do Centro Universitário UniMetrocamp. “Não existe um único alimento que seja indispensável, mas alguns possuem nutrientes fundamentais para nossa imunidade e dão uma forcinha extra quando associados a hábitos de vida saudáveis”, acrescenta.

Em teoria, todos sabemos que tipo de alimentos precisamos priorizar para manter uma boa saúde. Porém, na correria do dia a dia, às vezes acabamos não explorando a ampla gama de nutrientes ao nosso dispor. Por hábito ou preguiça acabamos repetindo receitas e perdendo a chance de fortalecer nosso organismo e consequentemente nossa imunidade.

A nutricionista Érica Blascovi aponta cinco alimentos importantes para se ter uma vida saudável:

Frutas cítricas

São populares por seu alto conteúdo de vitamina C, essencial para a produção de glóbulos brancos, que fazem parte do sistema imunológico. Além disso, a vitamina C tem um alto potencial antioxidante, ajudando a proteger nossas células. A quantidade encontrada nos alimentos é bem grande, sendo rara a necessidade de suplementação. Se você incluir no cardápio acerola, limão, laranja, tangerina ou caju, entre outras opções, certamente estará com esse nutriente em dia!

Brócolis

Muita gente torce o nariz, mas talvez desse mais atenção a esse alimento se soubesse o quão nutritivo é! Nele encontramos as vitaminas A, B2, C e E, cálcio, potássio, fibras e antioxidantes, garantindo uma boa dose de nutrição a cada porção. Se quiser garantir a melhor concentração desses nutrientes, prepare os brócolis no vapor.

Alho

Há tempos o alho é reconhecido por sua habilidade de ajudar a combater bactérias, fungos e vírus. A Alicina, composto sulfurado que proporciona seu cheiro característico, é tida como a grande responsável pelas propriedades benéficas ao sistema imunológico. Se conseguir consumir o alho cru, melhor! O calor pode reduzir seu teor nutricional.

Peixes

Salmão, arenque, sardinha e atum: são excelentes fontes de vitamina D, que ganha cada vez mais destaque por sua atuação na regulação do sistema imunológico. Ela está presente em menores quantidades na gema de ovo e costuma ser adicionada a produtos lácteos, mas os peixes seguem sendo as melhores fontes alimentares.

Canja

A tradicional comida de avó para curar todos os males não podia faltar! Saiba que há ciência por trás dessa sabedoria popular. O frango é fonte de proteínas, incluindo a carnosina, um peptídeo que pode ajudar a proteger o corpo de infecções virais. Entre suas vitaminas se destaca a B6, que atua favorecendo a resposta imune. Ela está presente também na cenoura, que ainda possui as vitaminas A e C e antioxidantes. Os temperos adicionais, como o cheiro verde, são mais um bônus. Tudo isso em um caldo quentinho, que pode ainda ajudar a movimentar o muco nasal. Não é à toa que a canja já virou até objeto de estudos científicos!

 

Foto: Alimentos saudáveis.

Crédito: Divulgação.

 

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

O PAPEL DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NA MODERNIZAÇÃO DAS SOLUÇÕES FINANCEIRAS

ARTIGO DE VOLMAR MACHADO A transformação digital do mercado financeiro já é uma realidade. Vivemos …

Facebook
Twitter
LinkedIn