DACHSER BRASIL LOGÍSTICA LTDA PREVÊ CRESCIMENTO EM 2014

A Dachser Brasil Logística Ltda com sede nas
modernas instalações do edifício Trade Tower, na Avenida José de Souza Campos
(Norte-Sul), 894, em Campinas (SP) e com filiais em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto
Alegre, Itajaí, Curitiba, Salvador, Manaus, Guarulhos, Santos e Viracopos,
fechou 2012 com um faturamento de R$ 185 milhões e deve chegar ao final de 2013
com um faturamento entre R$ 200 milhões e R$ 250 milhões. O crescimento no
volume de negócios deve atingir esse ano um crescimento de 13% em relação a
2012. Em 2014 a Dachser Brasil vai abrir uma filial em Belo Horizonte (MG).
Atualmente conta com 197 funcionários.

A matriz mundial da empresa foi fundada em
1930, na região da Bavária, na Alemanha. No ranking global da companhia o
Brasil ocupa a quinta posição. A Alemanha aparece em primeiro lugar seguido China,
Índia e Estados Unidos.

Recentemente a unidade brasileira ganhou um
cliente de peso no Brasil. A operadora logística anunciou que fechou contrato
com a Benteler Automotive, fornecedora de produtos para diversos fabricantes do
setor automotivo. O Country Manager Dachser Brasil, Joachim Kohl disse que a
matriz está instalada em Campinas por uma questão estratégica em função da
excelente malha rodoviária da região e o aeroporto internacional de Viracopos.
“Viracopos é importantíssimo para o negócio de carga”, diz.

Com relação ao contrato fechado com Benteler
Automotive, Joachim Kohl, considera muito importante para os negócios da
companhia no Brasil. “Nós fechamos e assinamos o contrato. Vamos começando com
alguns embarques e a todo o vapor vamos começar a fazer isso a partir de
janeiro. Eu estimo que o contra da Benteler vai significar mais 5% a 6% no
nosso faturamento. Já faz alguns anos que nos especializamos ao setor automotivo.
É de fato um dos setores que mais se destaca”, avalia.  

As atividades logísticas do setor automotivo
apresentam desafios constantes e um provedor logístico como a Dachser tem o
papel fundamental de gerenciar as Operações de Supply Chain, evitando
interrupções no fluxo de materiais e garantindo que os mesmos sejam entregues
no tempo planejado. “O setor automotivo é muito sensível. Quando se fala em
‘tier1 suppliers’, são fornecedores com maior nível de criticidade em seus
processos, já que fornecem diretamente às linhas de produção das montadoras e
que, portanto, são responsáveis por disponibilizar os insumos necessários para
produção. A logística tem um papel fundamental e o setor automotivo demanda um
processo ‘lean’, ou seja, possibilitando ao fornecedor trabalhar com o menor
nível de estoque possível. Por esta razão, a exigência quanto ao fluxo
operacional e de informações é bastante grande”, explica.

Neste ambiente, a Dachser se destaca por sua
origem alemã. A empresa se estabeleceu como uma das parceiras líderes em
logística para entrega just-in-time à maioria dos fabricantes automotivos em
nível internacional. Tudo isso, permite à Dachser o conhecimento profundo da
indústria automotiva e dos processos de logística em toda a cadeia de
suprimentos global.

O setor automotivo deverá impulsionar os
principais investimentos de empresas alemãs no Brasil nos próximos anos. Os
dados são da Câmara Brasil-Alemanha para São Paulo. A câmara alemã tem apoiado
muitas empresas em diversos setores, colaborando assim com o estimulo ao
comércio exterior em tecnologias, bem como no intercâmbio de produtos
industrializados. O setor automotivo apresenta um histórico notável de
investimentos no país e mantém essa tendência com o lançamento de um novo
Regime lançado para promover a competitividade da indústria automotiva nacional
denominado “Inovar-Auto”.

Joachim Kohl disse ainda que além do setor
automotivo a empresa opera no Brasil também na área farmacêutica e de máquinas
e equipamentos. “Nós somos uma companhia que não tem nada investido em
caminhões próprios e armazéns próprios. Todos esses serviços a gente
terceiriza. O que nós vamos investir em 2014 é em um novo sistema operacional
que já foi implementado na Alemanha, na China e em outros países menores da
Europa e esse sistema vai ser implementado aqui no Brasil  provavelmente no primeiro semestre de 2014”,
destacou.

Em 2012, a operadora de logística
internacional, Dachser, gerou uma receita total de 4.41 bilhões de euros, com
um volume de 49,8 milhões de embarques, somando o total de 37.5 milhões de
toneladas. Em 31 de dezembro de 2012, a Dachser conta com um quadro de 21.650
funcionários, operando em 347 escritórios ao redor do mundo. Para 2014, a
empresa tem como meta abrir escritórios no Canadá e na Austrália.

Foto: Country Manager Dachser Brasil, Joachim Kohl
crédito: Divulgação

 
Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

2021: OS IMPACTOS DA PANDEMIA PARA A EDUCAÇÃO

ARTIGO DE ISMAEL ROCHA Imagine que você está vendo um filme e pausa em determinando …

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
LinkedIn