ENTRESSAFRA DA CANA DE AÇÚCAR FAVORECE A COMPETITIVIDADE DO GÁS NATURAL VEICULAR

A chegada da entressafra da cana-de-açúcar, que vai de novembro a
maio, deve provocar aumento no preço final do etanol para o consumidor,
melhorando, assim, a competitividade do Gás Natural Veicular (GNV) para o
motorista. Na entressafra anterior (novembro/12 a maio/13) os preços do etanol
na bomba tiveram reajuste de 10,97%, segundo pesquisa realizada pela Agência
Nacional de Petróleo (ANP) relativa ao Estado de São Paulo. No período, o preço
do litro do etanol variou de R$ 1,759 (mínimo) a R$ 1,952 (máximo). 
 

Nas últimas três entressafras da cana-de-açúcar o preço do etanol
variou de 6,35% (nov/11 a maio/12 – de R$ 1,818 a R$ 1,925) a 36,58% (nov/10 a
maio/11 – de R$ 1,591 a R$ 2,173), segundo dados da ANP. 

Atualmente, o preço médio do m³ do GNV no Estado de São Paulo está
em R$ 1,654/m³ e o rendimento médio é de 12,5km com 1m³ de gás, enquanto o
rendimento médio utilizando gasolina e etanol é de 10 e 7 km/litro,
respectivamente. Comparando o custo atual dos três combustíveis, o GNV
apresenta o melhor custo-benefício, com o valor de R$ 0,132 por quilômetro
rodado, contra R$ 0,253 do etanol e R$ 0,271 da gasolina.

A economia, hoje, que o GNV proporciona varia de 48% a 51%. Se o
aumento do etanol, devido à entressafra, for similar ao registrado no ano
passado, a competitividade com o GNV chegará a 53% (Etanol com reajuste no
mesmo fator da entressafra anterior: R$ 1,966 / 7  = R$ 0,281). 

Como efeito de comparação, pelos preços atuais, um veículo
abastecido com R$ 20 de gasolina percorrerá 74km contra 79km se o combustível
escolhido for o etanol, e 151km caso a opção seja o GNV.

Atualmente, somente na área de concessão da Comgás (Região
Administrativa de Campinas, Região Metropolitana de São Paulo, Vale do Paraíba
e Baixada Santista) há em operação 311 postos de abastecimento de GNV. 
 
Fotos 1 e 2 – Adaptação ao processo de GNV
Divulgação

 

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

2021: OS IMPACTOS DA PANDEMIA PARA A EDUCAÇÃO

ARTIGO DE ISMAEL ROCHA Imagine que você está vendo um filme e pausa em determinando …

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
LinkedIn