FINTECH DIESELBANK QUER DEVOLVER MAIS DE R$ 4 MILHÕES PARA AS FAMÍLIAS CAMINHONEIRAS EM 2021

O DieselBank, “banco digital” que tem o propósito de mudar a realidade financeira dos caminhoneiros e caminhoneiras do Brasil, estima que conseguirá devolver mais de R$ 4 milhões aos motoristas de caminhão até o final deste ano. Pelas projeções da empresa, este será o valor movimentado através de uma de suas principais vantagens: o cashback (dinheiro de volta), que permite o retorno de parte do valor gasto no abastecimento de combustível para seus usuários. “Ao pagar o abastecimento com o aplicativo DieselBank, os caminhoneiros recebem até R$ 0,10 de volta por litro de combustível. Este valor vem das taxas que antes iam para os próprios bancos. Já no DieselBank, nós retornamos este dinheiro para os motoristas de caminhão, que são os principais responsáveis pela movimentação de toda a cadeia”, explica Lucas Rodolfo, um dos fundadores da fintech.

Lucas destaca ainda o impacto que este “dinheiro de volta” tem na vida dos caminhoneiros. “A partir do valor gasto com abastecimento e movimentações bancárias, alguns motoristas chegam a receber cerca de R$ 7 mil a mais por ano, com os benefícios que o DieselBank oferece. São valores que complementam a renda deles, podendo proporcionar mais comodidade durante a viagem e impactando a vida de suas famílias. São pessoas simples, então este dinheiro realmente faz a diferença”, completa.

O cashback não é o único benefício que o DieselBank traz. Com a conta digital, os caminhoneiros podem resolver toda a sua vida financeira direto no celular. Pelo aplicativo, é possível pagar contas, transferir dinheiro sem taxas, emitir boletos e consultar o saldo a qualquer hora do dia, sem ter que ir a uma agência bancária. “Para completar a experiência positiva que queremos proporcionar, o DieselBank permite até três saques gratuitos, por mês, na rede Banco 24 Horas e disponibiliza um cartão exclusivo, aceito em mais de 2 milhões de estabelecimentos no Brasil. Todos esses diferenciais estão alinhados com a nossa principal motivação, que é levar mais segurança e economia aos nossos parceiros de estrada.”, diz Rodolfo.

É importante lembrar que o DieselBank não cobra qualquer tipo de mensalidade ou taxas. A monetização da empresa acontece por meio do montante movimentado dentro da conta digital, em que a fintech recebe um percentual pago pelo banco emissor e também por intermédio dos postos de combustíveis, que pagam uma taxa de administração quando o motorista faz o abastecimento utilizando o aplicativo.

Sediada em Campinas (SP), a fintech teve início em 2019, quando os três sócios conduziram pesquisas de campo a fim de identificar oportunidades de negócios no segmento de logística. Ao perceberem a complexidade dos desafios enfrentados pelos caminhoneiros, Lucas Rodolfo, João Fernandes e Filipe Marinho decidiram se aproximar desses profissionais e, junto com eles, desenvolver uma solução inovadora para atendê-los.

Foi assim que nasceu o DieselBank, “banco digital” que tem o propósito de mudar a realidade financeira dos caminhoneiros e de suas famílias, atuando de forma disruptiva em toda a cadeia logística. Atualmente, a empresa conta com uma equipe de dez pessoas, que é movida pelo propósito de levar segurança e economia aos profissionais que representam o motor do país.

 

Foto: Equipe DieselBank.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

BRASIL REGISTRA CRESCIMENTO DE TRABALHADORES COM ENSINO SUPERIOR COMPLETO NO MERCADO DE TRABALHO

Concluir uma faculdade nunca foi tão importante e essencial para se ter sucesso e estabilidade …

Facebook
Twitter
LinkedIn