MERCADO REAGE E DÁ SINAIS POSITIVOS COM A TRANSIÇÃO DE GOVERNO

Dias melhores para um ano que promete superar positivamente 2018. Essa é a esperança dos empresários que, embalados pela nova conjuntura política, estão voltando a apostar as fichas no Brasil. Nessa retomada do aquecimento de mercado, a Região Metropolitana de Campinas (RMC) já começa a receber novos empreendimentos. É o caso da rede brasileira Recco Lingerie, que acaba de abrir a maior e mais completa loja no Shopping Iguatemi Campinas, com 290 m² de área e investimento de R$ 1 milhão. A iniciativa marca as celebrações dos 40 anos de história da grife, traçando mais um passo nesta trajetória e emplacando o projeto de expansão. 

Entre as motivações desse investimento estão dados como o da IEMI Inteligência de Mercado, que apontam a moda íntima como o nicho de melhor recuperação no ramo de lingeries, moda praia e fitness, retomando os níveis de produção pré-crise. “Estamos investindo em novas lojas próprias e reformulando o modelo de franquias para oferecer aos clientes experiências únicas”, comemora Antonio Recco, presidente da Recco, que estima abrir 16 franquias em 2019.

Entre as motivações desse investimento estão dados como o da IEMI Inteligência de Mercado, que apontam a moda íntima como o nicho de melhor recuperação no ramo de lingeries, moda praia e fitness, retomando os níveis de produção pré-crise. “Estamos investindo em novas lojas próprias e reformulando o modelo de franquias para oferecer aos clientes experiências únicas”, comemora Antonio Recco, presidente da Recco, que estima abrir 16 franquias em 2019.

Esse otimismo para os negócios tem o maior nível dos últimos quatro anos, de acordo com um relatório feito do IHS Markit. As empresas que esperavam melhora em seus negócios passaram de 44% em julho, para 67% em outubro. E, agora, já com o quadro político definido, o comércio dá ainda mais sinais de recuperação.

As franquias e as lojas em shoppings centers atraem cada vez mais os empresários. O escritório de Direito especializado nesta área, E.Faigle e Maggioni, já registrou um aumento de 30% na procura por quem deseja investir. A reação é muito em função da decisão nas urnas. “Antes das eleições fomos procurados por mais de 30 lojas para o encerramento das atividades e a renovação de contrato tinha praticamente desaparecido. Após a definição do Presidente da República houve a retomada de processos e procedimentos financeiros que estavam parados”, explica o advogado Gustavo Maggioni. “É tão real que o brasileiro está confiante em dias melhores, que muitos clientes que buscavam assessoria jurídica para mudar com suas famílias para o Exterior, agora nos procuram para traçar uma estratégia de investimento por aqui mesmo”, conclui Maggioni.

Do começo simples no fundo da garagem a uma marca consolidada com valores, objetivos e missões e 20 lojas espalhadas pelo Brasil. Essa é a história da Recco Lingerie, marca reconhecida internacionalmente por seus produtos de qualidade ímpar, aliando beleza, moda e tecnologia.

Inaugurada oficialmente em 1986, após 10 anos da criação do primeiro laboratório de produção, a Recco nasceu de uma visão empreendedora de um representante de vendas. Os resultados foram rápidos e, com o crescimento da empresa aumentando vertiginosamente, a marca se tornou uma potência, contando hoje com quase 900 pessoas envolvidas nos processos de produção e vendas.

Desde sua fundação, o grupo Recco passou por transformações e vem ampliando seus investimentos, direcionando suas forças em tecnologia, criatividade e design. E para atender todos os tipos de gostos, corpos e objetivos e fortalecer a marca, a empresa criou novas linhas; agora roupas femininas, pijamas, lingeries femininas básicas e masculinas fazem parte do mix de produtos oferecido.

A Recco vem conquistando novos mercados e conta com clientes em diversos países da América do Sul, América Central, América do Norte, Europa, Ásia e África.

O Grupo Recco criou o projeto Jaimashi, que a cada coleção ajuda um país através de uma ONG parceira e missionários voluntários, que levam comida e alento aos que mais precisam. Desta vez o Nepal foi escolhido: as vendas dos pijamas Jaimashi ajudarão a salvar crianças nepalesas do tráfico humano.

A marca se consolidou como “A Lingerie Que Te Entende”, reforçando sua presença em todos os momentos da vida da mulher, além de trazer uma modelagem perfeita, desenvolvida e aperfeiçoada ao longo da história.

O escritório E. Faigle e Maggioni foi criado em 2013 com o foco nas especificidades legais do ecossistema de franquias, empresas e shopping centers. Amparado em uma experiência de mais de dez anos dos sócios na área empresarial e na área de varejo – tanto no campo do direito como no comercial – o E. Faigle e Maggioni tem como proposta possibilitar um desenvolvimento sustentável de negócios. A especialidade é o desenho de soluções jurídicas sob medida para atender aos segmentos, indo desde a formulação de acordos societários à solução de conflitos e cobrança de créditos.

 

Fotos 1 e 2 – Recco Lingerie no Shopping Iguatemi Campinas.

Foto 3 –  Advogado Gustavo Maggioni.

Crédito: Matheus Campos

 

Compartilhe:
Facebook
Google+
https://www.panoramadenegocios.com.br/mercado-reage-e-da-sinais-positivos-com-a-transicao-de-governo/
Twitter
LinkedIn

Veja também

MAIOR FLORICULTURA ONLINE DO PAÍS CONSOLIDA ATUAÇÃO ALÉM DO MUNDO DIGITAL

A aposta em novos segmentos alavancou os negócios da Giuliana Flores, maior floricultura virtual do …

Facebook
Google+
https://www.panoramadenegocios.com.br/mercado-reage-e-da-sinais-positivos-com-a-transicao-de-governo
Twitter
LinkedIn