VOLUME DE PRODUÇÃO DIMINUI EM MARÇO, MAS INDÚSTRIA ESPERA RECUPERAÇÃO

O Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) regional Campinas divulgou na última terça-feira (30/03) os números da sondagem industrial. O vice-diretor do Ciesp-Campinas, José Henrique Toledo Corrêa, afirmou que na pesquisa de março, 41% das empresas associadas apontaram diminuição no volume de produção. Esse número de empresas é maior que o registrado no período de janeiro-fevereiro, quando 24% das associadas afirmaram diminuição na produção. Na avaliação do representante do Ciesp-Campinas, essa queda na produção reflete um quadro do momento. “Com o aumento da vacinação em massa nos próximos 60 a 70 dias, a expectativa da indústria é que a recuperação ocorra em toda a cadeia produtiva, incluindo os setores de comércio e serviços”, disse.

O vice-diretor do Ciesp-Campinas destacou que mesmo com a diminuição no faturamento em março, o que foi indicado por 50% das empresas respondentes, o nível de emprego na indústria regional permaneceu em estabilidade para 71% das associadas. “Isso mostra que os empregos até esse momento se mantém preservados”, observou

A Sondagem Industrial revelou ainda que os custos das matérias-primas aumentaram para 79% das empresas. Já os custos com energia, água e transporte também aumentaram para 65% das respondentes. Com relação aos investimentos na ampliação da capacidade produtiva para os próximos doze meses, 43% das associadas afirmam que não irão investir.

Balança Comercial

A Balança Comercial Regional registrou em fevereiro de 2021 em valor exportado US$ 187,7 milhões. O valor foi 21,6% menor que em fevereiro de 2020. Já as importações no mesmo mês foram de US$ 781,5 milhões, 10,8% maior do que em fevereiro do ano passado. O saldo foi negativo em US$ 593,8 milhões, 27,4% maior do que o registrado em fevereiro de 2020.

A corrente de comércio exterior regional, que é a soma das exportações e importações em fevereiro, foi de US$ 969,2 milhões. O valor é  2,6% maior que no mesmo mês do ano passado.

Ações na Pandemia

O vice-diretor do Ciesp-Campinas, José Henrique, destacou a campanha da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e do Senai-SP (Serviço Nacional de Aprendizado Industrial) “Oxigênio da Indústria Salva Vidas”, com uma grande mobilização em todo estado, para que indústrias cedam cilindros que acondicionam oxigênio para o setor da saúde. Até agora, foram disponibilizados 2.486 cilindros provenientes de 83 cidades.

Dentro das ações contra a pandemia, o vice-diretor também mencionou a campanha do Senai-SP na recuperação gratuita de respiradores dos hospitais públicos, que continua em 2021. No ano passado, foram reparados 205 aparelhos pelo Senai-SP e entregues para 62 cidades. Os hospitais interessados devem entrar em contato com a unidade do Senai-SP mais próxima ou nas sedes das diretorias regionais do Ciesp.

O Ciesp-Campinas conta com 494 empresas associadas, distribuídas em 19 municípios da região. O faturamento conjunto das empresas associadas é de R$ 41,52 bilhões ao ano. Conjuntamente essas empresas empregam 98.894 colaboradores.

 

Foto: vice-diretor do Ciesp-Campinas, José Henrique Toledo Corrêa.

Crédito: Divulgação.

 

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

GRUPO VAMOS CONQUISTA TROFÉU TRANSPARÊNCIA 2021 ANEFAC

A Vamos, empresa do Grupo SIMPAR e líder em locação de caminhões, máquinas e equipamentos …

Facebook
Twitter
LinkedIn