PROGRAMA LEVA CONHECIMENTO SOBRE A AMAZÔNIA PARA A SALA DE AULA

Nas últimas semanas os olhares do mundo todo têm se voltado para a Amazônia, em especial o Pará, para debater como promover o desenvolvimento sustentável da região. A maior floresta do planeta tem papel fundamental no clima, na produção agrícola e na qualidade de vida em diversas regiões do país e do planeta. Não apenas isso: ela é casa de uma diversidade enorme de pessoas, que vivem próximas aos rios, no campo, em povoados indígenas ou em cidades.  Muitas decisões têm sido tomadas por governos em relação a esse imenso território. Como podemos formar nossos jovens para serem críticos em relação a essas decisões e a fazerem escolhas conscientes sobre seu papel como cidadão impactado pela Amazônia – hoje e no futuro?

Foi esse questionamento que inspirou a criação do programa Itinerários Amazônicos, lançado em 17 de agosto, em Manaus, pelo Instituto Iungo, Instituto Reúna e a iniciativa Uma Concertação pela Amazônia, com investimentos do BNDES, Fundo de Sustentabilidade Hydro, Instituto Arapyaú, Movimento Bem Maior e patrocínio da Vale. As redes públicas de ensino de 8 dos 9 estados por onde se estende a Amazônia Legal já aderiram ao programa: Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Roraima e Tocantins. Juntos, esses estados têm mais de 54 mil professores, 1 milhão de estudantes e 3 mil escolas de Ensino Médio.

Com duas frentes complementares – materiais curriculares e formação continuada de professores e gestores escolares – o programa Itinerários Amazônicos visa a levar, de forma aprofundada, temas que tocam a região – como mudanças climáticas, questões sociais, culturais e econômicas – de maneira articulada com a Base Nacional Comum Curricular e os currículos estaduais de Ensino Médio.  A iniciativa foi destacada pelo especialista mundial em currículo, Dr. Phill Lambert, como exemplo na área educacional para o avanço rumo aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, da Agenda 2030 da ONU.

Paulo Andrade, presidente do Instituto iungo, enfatiza o propósito do programa Itinerários Amazônicos. “É dos jovens e educadores amazônidas, das equipes gestoras das escolas, dos formadores das redes de ensino. Tudo o que foi e está sendo construído em termos de conteúdo e formação é fruto de um trabalho colaborativo de mais de 120 pessoas, a maioria profundos conhecedores da Amazônia Legal. Além disso, o programa é uma resposta à necessidade de agir, com urgência, para enfrentar os desafios em relação às questões climáticas, desigualdades, à promoção da vida e educação das diversas populações do planeta”, afirma.

Paula Marlieri, gerente sênior de Assuntos Externos da Hydro, destacou o projeto. “Para a Hydro fazer parte de um projeto com a dimensão e a potência da educação na Amazônia é um compromisso com todos, essa junção de esforços é muito positiva para ações de grande relevância para a região. Estamos fazendo esse movimento de reconhecimento da Amazônia porque o mundo precisa saber e conhecer essa potência. Educar é mostrar a vida a quem ainda não viu”, diz.

O programa Itinerários Amazônicos propõe percursos de ensino e aprendizagem combinam temas, saberes e questões amazônicas às competências e práticas de áreas do conhecimento previstas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC): Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens, Matemática, Projetos de Vida e Educação Profissional e Técnica.

O programa possui duas frentes complementares. Uma delas é conteúdo com materiais organizados em unidades curriculares e módulos voltados para os itinerários formativos do Ensino Médio, com propostas de atividades e materiais de referência para os professores.  Qualquer educador do Brasil pode acessar e utilizar os materiais em suas aulas gratuitamente. A outra frente é a formação continuada: para professores, gestores escolares e técnicos de educação de redes de ensino parceiras da Amazônia Legal. Todos os educadores brasileiros podem acessar os conteúdos formativos disponíveis no canal do Youtube do programa: https://www.youtube.com/@ItinerariosAmazonicos. Acesse o site do programa: https://itinerariosamazonicos.org.br/

 

Foto: Lançamento do programa Itinerários-Amazônicos com a participação da gerente sênior da assuntos externos da Hydro, Paula Marlieri.

Crédito:-ModeOn – Acervo Iungo.

 

 

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

ISOPILOT NAVE VISION SERÁ LANÇADO NA AGRISCHOW 2024

Tradicional indústria de desenvolvimento e comercialização de equipamentos e acessórios de tecnologia de aplicação de …

Facebook
Twitter
LinkedIn