VIRACOPOS REALIZA TESTAGEM PARA A COVID-19 EM MIL PESSOAS DA COMUNIDADE AEROPORTUÁRIA

Em mais uma ação, no âmbito do aeroporto contra a pandemia do coronavírus, a Alfândega da Receita Federal do Aeroporto Internacional de Viracopos, a concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, a UNICAMP e o SINDASP (Sindicato dos Despachantes Aduaneiros) realizam uma campanha de testagem para COVID-19 em parte da comunidade aeroportuária. O primeiro dia da testagem ocorreu neste quarta feira (26/08). A próxima ocorre na sexta feira (28/08) e depois nos dias 01 e 03 de setembro.

Trata-se de uma pesquisa de soroprevalência de anticorpos IgM para SARS-COV-2 que tem como objetivo fornecer resultados preliminares para ajudar no diagnóstico da doença por infecção pelo coronavírus (COVID-19)  em pessoas que atuam constantemente em diversas áreas do aeroporto, como terminal de carga, terminal de passageiros, alfândega, setores de despachos aduaneiros e empresas prestadoras de serviço.

A testagem acontecerá apenas nas dependências de Viracopos. A pesquisa possibilitará a obtenção de dados mais precisos sobre o contágio  a COVID-19 no complexo aeroportuário, reduzindo a subnotificação da doença. Pelo menos 7.000 pessoas trabalham no aeroporto.  

Para o delegado da Alfândega da Receita Federal no Aeroporto de Viracopos, Fabiano Coelho, a iniciativa é reflexo do ambiente de solidariedade, cooperação e parceria da comunidade aeroportuária de Viracopos. “Durante o período da pandemia o Aeroporto vem se destacando pelo aumento de sua participação no comércio exterior do país e, apesar das dificuldades, tem obtido expressivos resultados no que se refere à fluidez das operações de importação, exportação, trânsito aduaneiro e remessas expressas internacionais, com destaque para a importação de produtos vinculados ao combate à Covid”, disse ele.   “Tais resultados só vem sendo viabilizados graças ao empenho redobrado de servidores da Alfândega, dos demais órgãos públicos e de todos os intervenientes no comércio internacional, como os colaboradores da Concessionária ABV, os despachantes aduaneiros,os transportadores, os agentes de carga e os funcionários das empresas de apoio.”, completou o delegado da Receita Federal.

O SINDASP também destacou o engajamento dos despachantes e de todos os colaboradores de Viracopos no combate à doença. “O SINDASP sempre esteve atento ao desempenho da categoria dos Despachantes Aduaneiros na linha de frente dos trabalhos em auxílio às importações e exportações de produtos no combate à Covid-19. Essa ação é oportuna e relevante. Estaremos engajados para mais uma contribuição para minimizar os impactos da pandemia”, disse Marcos Farneze, presidente do SINDASP.

 

 

Foto 1 – Delegado da Alfândega da Receita Federal no Aeroporto de Viracopos, Fabiano Coelho.

Foto 2 – Marcos Farneze, presidente do SINDASP.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

CAMPINAS GANHA NOVO EMPREENDIMENTO DE NOVO PADRÃO

Reconhecida há 55 anos pela pontualidade na entrega de empreendimentos, a construtora A.Yoshii acaba de …

Facebook
Twitter
LinkedIn