NSTECH, PLATAFORMA SaaS PARA LOGÍSTICA, INCORPORA A BSOFT, LÍDER NACIONAL EM SOFTWARE PARA TRANSPORTADORAS DE CARGAS

A plataforma de tecnologia para logística nstech anuncia a fusão com a paranaense Bsoft, líder nacional em softwares para transportadoras de cargas (TMS). A Bsoft integra-se ao grupo que já conta com Buonny, Opentech, AT&M, Brasil Risk, LogRisk, Praxio, Hivecloud, Fusion e I Am Tech. Com a incorporação da Bsoft, a plataforma nstech passa a atender a 45 mil clientes e alcança faturamento de R$ 400 milhões.

A Bsoft foi fundada em 2006 por Bruno de Antoni na cidade de Imbituva, interior do Paraná. Nos últimos 15 anos, a empresa se consolidou como a líder no mercado de software para pequenos e médios transportadores de cargas e possui carteira de mais de 15 mil clientes ativos. “Este é mais um passo importante para a consolidação de nossa estratégia de ser a maior e melhor plataforma de soluções tecnológicas da America Latina. A Bsoft terá papel importante em nosso plano de negócios”, afirma Vasco Oliveira, CEO da nstech. “A estratégia da nstech está perfeitamente alinhada aos planos de crescimento de Bsoft. Em nossa trajetória, nos tornamos líderes nacionais em TMS para pequenos e médios transportadores. Este ano crescemos 35% e ainda temos espaço para crescer mais em nosso mercado. Nos juntamos à nstech para aumentar nossa musculatura e criar mais valor para nossos clientes, oferecendo soluções inovadoras que efetivamente atendam às necessidades crescentes das transportadoras rodoviárias de cargas”, destaca Bruno Antoni, CEO da Bsoft.

No desenho da operação, Bruno continua como CEO da Bsoft e passa a ser sócio da nstech. “Estamos muito contentes em ter o Bruno conosco. O conhecemos e também a empresa há mais de 5 anos e temos a certeza de que o seu conhecimento de mercado contribuirá muito para o crescimento da nossa plataforma”, destaca Eduardo Steinberg, sócio da nstech.

Eduardo reafirma o compromisso da empresa em manter o plano de investimentos de R$ 500 milhões, buscando oportunidades complementares no mercado de serviços de logística. “Estamos atingindo nosso objetivo no Brasil em número de clientes, base da dados e geração de caixa, mas nossos planos são ambiciosos e em breve teremos novidades que complementam ainda mais nosso portfólio de produtos, consolidando nossa plataforma One Stop Shop e simplificando a vida dos clientes”, diz.

O Brasil gasta cerca de 12% do PIB com logística contra 7% dos Estados Unidos e mais de 40% dos caminhões rodam vazios. Além disso, somos o 3º maior país do mundo em roubo de cargas e ocorrem mais de 18 mil acidentes de trânsito por ano envolvendo caminhões somente nas rodovias federais. “Juntos com os empreendedores que fundaram as empresas excepcionais do grupo, aliados a um time fora de série, vamos mudar a realidade do setor. Além disso, seremos referência em ESG”, ressalta Vasco Oliveira.

 

Foto 1 – Bruno Antoni, CEO da Bsoft.

Foto 2 – Vasco Oliveira, CEO da nstech.

Foto 3 – Eduardo Steinberg, sócio da nstech.

Crédito: Divulgação.

 

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

DEZ LIÇÕES QUE A PANDEMIA DEIXOU PARA A EDUCAÇÃO

Em março de 2020 o Brasil se viu diante de um novo e assustador momento …

Facebook
Twitter
LinkedIn