BUREAU VERITAS AMÉRICA LATINA CONQUISTA ISO 27001 E CONSOLIDA EXPERTISE EM PROTEÇÃO DE DADOS

Líder mundial em Teste, Inspeção e Certificação (TIC), o Bureau Veritas inova ao implementar um Sistema de Gestão de Segurança da Informação (SGSI) em oito países simultaneamente. A padronização em escala, com rígidos controles e níveis de excelência, rendeu ao Grupo Operacional da América Latina a conquista da ISO 27001, norma internacional que assegura o compromisso com a confidencialidade, a integridade e a proteção do imenso volume de dados recebidos de clientes, investidores e colaboradores. A iniciativa fortalece ainda o seu posicionamento do Grupo no mercado. De acordo com a ISO, apenas 28.416 companhias no mundo alcançaram a certificação 27001 em 2022. “Com o avanço da digitalização, lidamos diariamente com ameaças cibernéticas e nossas equipes trabalham continuamente para neutralizá-las e garantir a integridade dos dados em todas as nossas áreas de negócio. Obter a ISO 27001 é um reconhecimento do nosso trabalho e da nossa dedicação em desenvolver soluções cada vez mais confiáveis e eficientes”, afirma Ricardo Villagelin, CIO do Bureau Veritas América Latina.

O processo de certificação do Bureau Veritas América Latina contou com o Brasil como país sede para implementação da norma, com auditorias na Argentina, Chile, México, Colômbia, Equador, Panamá e Peru. Foram verificados o cumprimento de todos os requisitos, processos e controles exigidos pela ISO 27001, relacionados à mitigação e gestão de riscos, à detecção proativa de ameaças e à segurança dos sistemas e ambientes de TI.

A implementação dos sistemas de Segurança da Informação em países com diferentes regulamentações e culturas foi um processo complexo e desafiador. Desde 2019, Villagelin lidera o projeto de modernização e padronização do SGSI, baseando-se no escopo do National Institute of Standards and Technology (NIST), que foi fundamental para pavimentar o caminho para a certificação internacional.

Cada vez mais comuns, os ciberataques vem evoluindo com o avanço da digitalização e surgimento de novas tecnologias. Em 2022, foram registrados 360 bilhões de ocorrências na América Latina e Caribe, sendo 103 bilhões somente no Brasil, tornando-o o segundo país alvo de ataques na região, atrás apenas do México, que registrou 187 bilhões de casos. A padronização e certificação do SGSI garante ao Bureau Veritas, maior controle sobre o imenso volume de dados recebidos diariamente em todas as suas áreas de negócios e fortalece ainda mais seu posicionamento como líder mundial em Testes, Inspeções e Certificações (TIC), uma vez que o Grupo também é acreditado pela ISO para certificar outras empresas com a norma.

Com receita global de 5,7 bilhões de euros, o Bureau Veritas é líder mundial em Teste, Inspeção e Certificação (TIC). Fundado em 1828, o Grupo está presente em 140 países, atendendo mais de 400 mil clientes. São 80 mil colaboradores localizados em mais de 1.600 escritórios e laboratórios pelo mundo, sendo mais de 6 mil profissionais no Brasil. O Bureau Veritas oferece um portfólio completo de serviços e soluções inovadoras para garantir que ativos, produtos, infraestrutura e processos que atendam aos padrões e regulamentações de qualidade, saúde e segurança, proteção ambiental e responsabilidade social.

 

Foto: Ricardo Villagelin, CIO do Bureau Veritas América Latina.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

CO-FUNDADORA DO ARQ FUTURO DEFENDE RECUPERAÇÃO DOS CENTROS COMO OPÇÃO DE MORADIA

Nesta semana Campinas foi sede de um evento com palestrantes internacionais e expoentes brasileiros dos …

Facebook
Twitter
LinkedIn