DUAS TRADICIONAIS CONSTRUTORAS DE RIBEIRÃO PRETO SE UNEM E TRAZEM PARA CAMPINAS EMPREENDIMENTO DE ALTO PADRÃO

Toda grande metrópole tem seus bairros nobres. No Rio de Janeiro, Ipanema, Leblon e Copacabana. Em São Paulo, Moema, Ibirapuera e Jardins. Em Campinas, indiscutivelmente, Cambuí. Gastronomia, cultura, lazer, comércio, conveniência e moradia de alto padrão fazem dele o metro quadrado mais desejado na maior cidade do interior paulista. Desejo que vai crescer com o lançamento do Grand Paysage, uma torre de 19 pavimentos com apartamentos de alto padrão que será construída na esquina das ruas General Osório e Conceição, bem no coração Cambuí.

O Grand Paysage é fruto da união da Copema e Stéfani Nogueira, duas tradicionais construtoras que alavancaram o mercado imobiliário de Ribeirão Preto nas últimas quatro décadas. Será o primeiro de novos empreendimentos da parceria em Campinas, repetindo o sucesso em Ribeirão Preto, onde Copema e Stéfani Nogueira contribuíram para dar uma nova cara à Zona Sul da cidade, marcando a paisagem urbana de forma inconfundível.

Em Campinas, as construtoras chegam com a proposta de oferecer novas possibilidades para quem quer morar com sofisticação, funcionalidade e qualidade de vida, apresentando empreendimentos que valorizam a localização com projetos arquitetônicos contemporâneos e integrados ao entorno de forma harmoniosa e segura. “O objetivo é o de agregar valor ao bairro, engrandecendo ainda mais o endereço, recorrendo a estratégias como um paisagismo que interage com a via pública e recuos espaçosos que enobrecem o trecho”, atesta o diretor comercial representante da parceria em Campinas, Luciano Marco.

Grand Paysage

O Grand Paysage é um empreendimento pensado em quem procura requinte e conforto na medida para o seu bem-estar. Com VGV (Valor Geral de Vendas) de R$ 126 milhões, perto de tudo que o Cambuí tem de melhor, com fácil acesso a pé para as melhores atrações do bairro e também para uma variedade de bons serviços e utilidades nos arredores, o Grand Paysage apresenta uma fachada atemporal, constituída de materiais nobres e uma completa área de lazer no térreo.

São quatro apartamentos por andar, com metragens de 115m2 e 117m2 e três suítes cada, com uma distribuição dos espaços que garante aos moradores o equilíbrio entre praticidade, bom gosto, requinte e sofisticação. Cada unidade conta com duas vagas de garagem e o estacionamento oferece carregadores compartilhados para carros elétricos.

Entre as premissas dos incorporadores para a Rivaben Arquitetura — escritório que assina a obra –, está a de que o projeto não poderia ter “apartamentos de fundo”. E isso acabou por justificar o nome dado ao prédio. “A vista de Campinas a partir de todas as unidades é privilegiada pela localização fantástica do terreno, pelas amplas esquadrias e pelo guarda corpo envidraçado nas extensas varandas”, destaca o arquiteto Fernando Rivaben. O profissional, que é de Campinas e nos últimos anos atua no escritório sediado em Ribeirão Preto, nunca perdeu o carinho e a ligação com a extensa carreira construída na cidade, a ponto de ter sido prestigiado com o Prêmio conferido pela Câmara Municipal de Campinas, nos termos do Decreto Legislativo n° 1600, em 05/09/2002: “Diploma Símbolo da Cultura Arquitetônica e Preservação Histórico Ambiental Antonio da Costa Santos”.

Decorado

A comodidade e a funcionalidade dos apartamentos podem ser conferidas no modelo decorado por Zelena Rivaben, instalado pertinho do local onde será construído o Grand Paysage, na Rua Coronel Quirino, 392. Acabamento com materiais refinados, automatização nas persianas, amplos espaços e integração entre os ambientes são exemplos do que os futuros moradores aguardam na sua solução de morar bem.

Lazer

Um diferencial importante do Grand Paysage são as áreas comuns e de lazer, coroada por um lindo projeto de paisagismo realizado por Neusa Nakata. A infraestrutura destoa da atual oferta de apartamentos existentes no Cambuí.

Um conjunto de atividades está à disposição dos diversos perfis de moradores: espaço teen, churrasqueira, salão de festas para adultos e outro salão kids, playground, brinquedoteca, academia in e outdoor, piscina infantil e com raia, solarium, quadra poliesportiva, coworking, minimercado e espaço de armazenamento para delivery reforçam porque o Grand Paysage é tão especial.

Sustentabilidade

O Grand Paysage tem uma forte pegada sustentável. Rivaben chama a atenção para o sistema de reuso da água dos aparelhos de ar-condicionado, placas fotovoltaicas de energia solar e o funcionamento dos dois elevadores com tecnologia regenerativa, 75% mais econômicos em energia elétrica.

Arte no tapume

O Grand Paysage já chama a atenção de quem passa pelo Cambuí mesmo antes de ser erguido. É que o tapume de 110 metros que cerca a esquina do canteiro de obras foi transformado em uma grande obra de arte. A artista plástica Sara Rezende (@sararezende.art) está montando uma grande tela a céu aberto, cheia de cores e significados e promete ser um cenário ‘instagramável’.

Quando for retirada do local, ao fim da construção, a pintura será fracionada e leiloada. O valor arrecadado será doado a instituições sociais de Campinas.

Valorização do corretor

Copema e Stéfani Nogueira entram em Campinas com muito respeito e valorizando os profissionais com os quais vão trabalhar. Uma amostra disso ocorreu na manhã do dia 10 de junho, no Vitória Hotel, no Cambuí. A equipe do Grand Paysage promoveu um encontro para se apresentar ao setor e reuniu cerca de 350 corretores de imóveis e responsáveis por imobiliárias de Campinas.

Depois de um café da manhã e de uma palestra de Marcus Araújo — autor do best-seller “Meu Imóvel, Meu Mundo”, colunista no programa “Mais Imóveis” na Rede TV, estatístico, CEO e Fundador da Datastore –, os profissionais imobiliários conheceram em detalhes a Copema e a Stéfani Nogueira, seus representantes, suas intenções na região e o Grand Paysage, que arrancou aplausos da plateia por ser um produto admirável e com preço justo.

Fundadas na década de 80, as construtoras Copema e Stéfani Nogueira foram responsáveis por uma parcela significativa do desenvolvimento imobiliário de Ribeirão Preto-SP, tendo incorporado, comercializado, construído e entregue mais de uma centena de edifícios especificamente nesta região.

As duas construtoras unem todo esse conhecimento para dar início a uma nova parceria. Com olhos voltados para o futuro, Copema e Stéfani Nogueira querem oferecer a Campinas o mesmo atendimento diferenciado e excelência técnica com os quais conquistaram a confiança e a admiração de milhares de clientes em outras regiões do estado.

Criada em 1985, a Copema contribuiu para o desenvolvimento de Ribeirão Preto, cidade mais importante de uma das regiões mais ricas do interior do estado de São Paulo.

A Stéfani Nogueira nasceu quatro anos antes e desde então já entregou 130 empreendimentos em 21 cidades de quatro estados. Construiu, assim, os lares de mais de 20 mil famílias brasileiras.

Com os diferenciais de qualidade de entrega, conforto e respeito ao meio ambiente, as duas construtoras chegam para conquistar o coração dos campineiros e oferecer a eles um novo conceito de prazer de morar.

 

Foto 1 –  Evento de apresentação das construtoras Copema e Stéfani Nogueira promovido para profissionais de imobiliárias de Campinas.

Foto 2 – Luciano Marco, diretor comercial representante da parceria em Campinas.

Foto 3 – Arquiteto Fernando Rivaben, responsável pelo projeto do Grand Paysage.

Foto 4 – Perspectiva do hall de entrada do Grand Paysage na Rua General Osório.

Crédito: Matheus Campos.

 

 

 

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

TERMINA HOJE A EXPOBOR E A PNEUSHOW NO EXPO CENTER NORTE

Termina nesta sexta-feira (24/06) a Expobor – Feira Internacional de Tecnologia, Máquinas e Artefatos de …

Facebook
Twitter
LinkedIn