ORQUESTRA ROCK E JOTA QUEST FAZEM SHOW BENEFICENTE NOS 250 ANOS DE PIRACICABA

Para comemorar o aniversário de 250 anos de Piracicaba, a Raízen presenteia a cidade com o Projeto Arte do Bem e a Orquestra Rock sobe ao palco do Engenho Central ao lado da banda Jota Quest, no sábado, dia 12 de agosto, a partir das 19h30. O show beneficente terá toda a bilheteria revertida para o Centro Infantil Boldrini, de Campinas. Os ingressos custam de R$40 a R$120,00 e podem ser adquiridos pelo site Guichê Web e em pontos de vendas em Campinas e Piracicaba.orquestra 17554588_1339392496142895_2720726338053748705_n

No repertório da apresentação, os sucessos da banda Jota Quest que marcaram época, em uma nova roupagem, com arranjos e versões exclusivas sob a regência do Maestro Martin Lazarov. A Orquestra Rock faz parte do Arte do Bem, um projeto sociocultural que une, em um mesmo palco, artistas consagrados com uma orquestra sinfônica, com o objetivo de aproximar o público da música instrumental.

O encontro do erudito com o popular proporciona um show único e desperta os ouvidos para uma nova experiência. A iniciativa também é nobre pois toda renda das apresentações é revertida para o Centro Infantil Boldrini, hospital filantrópico que trata crianças e adolescentes com câncer e doenças do sangue, em Campinas. “Ficamos felizes com esta doação. Toda a renda será revertida para o pagamento dos 500 frascos de Asparaginase importados em caráter de urgência pelo Boldrini”, conta Dra. Silvia Brandalise, presidente da instituição.

Para facilitar o acesso ao evento, o Projeto Arte do Bem disponibiliza ônibus de graça para o show. São três pontos na cidade: no Bolsão da Estação Paulista, no Clube Cristóvão Colombo e na Rodoviária de Piracicaba. O horário de saída é às 19h30 e o retorno acontece 30 minutos após o término do show. Para garantir um lugar, envie e-mail para [email protected] até dia 09 de agosto.

O Centro Infantil Boldrini é o maior hospital especializado na América Latina, localizado em Campinas, que há 39 anos atua no cuidado a crianças e adolescentes com câncer e doenças do sangue. Atualmente, o Boldrini trata cerca de 10 mil pacientes de diversas cidades brasileiras e alguns de países da América Latina, a maioria (80%) pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Um dos centros mais avançados do país, o Boldrini reúne alta tecnologia em diagnóstico e tratamento clínico especializado, comparáveis ao Primeiro Mundo, disponibilidade de leitos e atendimento humanitário às crianças portadoras dessas doenças.

Foto: Apresentação da Orquestra Rock.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

SOFTWAREONE CRIA UNIDADE DE NEGÓCIO PARA FORTALECER OFERTA DE SERVIÇOS DA MICROSOFT NO BRASIL

O recente lançamento do Microsoft Copilot e a ascensão do uso da Inteligência Artificial Generativa …

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
LinkedIn