ACADEMIA DE CAMPINAS CRESCE 800% E PREVÊ NOVOS NEGÓCIOS

O Brasil é hoje o segundo país com o maior número de academias do mundo, segundo dados da International Health, Racquet & Sportsclub Association (IHRSA Global), perdendo apenas para os Estados Unidos. No entanto, enquanto lá o setor movimenta US$22 bilhões e tem adesão de 20% da população, por aqui esse valor é de apenas US$2 bilhões, com menos de 4% da população frequentando alguma academia. Em todo o Brasil são cerca e 32 mil academias. Dados da Organização Mundial de Saúde apontam que 40% dLuis (13) REDUZIDAa população mundial é considerada obesa independente do sexo e 80% da população já sentiu ou vai sentir dores nas costas. O mercado fitness hoje cresce muito por conta de toda essa conscientização da população com atividade física porque o Brasil até 2030 vai ser um país com pirâmide etária invertida.

Esses números estão na ponta da língua do administrador de empresas Luís Antônio Calicchio, que trocou a roupa social de executivo do mercado financeiro por tênis e regatas e começou, em 2008, um projeto para transformar a vida das pessoas. “O exercício deve focar além da estética. Precisa ser transformador, levar saúde, eliminar dores e ser formado por atividades motivadoras que fazem sentido para quem pratica”, defende o empresário.

Com o conceito de que a atividade física tem que ter embasamento técnico e planejamento levando em conta os gostos, necessidades, restrições físicas e objetivos do pAcademia (84)raticante bem claros, Luís Calicchio enxergou uma deficiência no mercado e, consequentemente, uma oportunidade de investir e criou a academia Change. Com a proposta de um novo conceito em academia cresceu em oito anos 800% em seu faturamento, uma média de 100% ao ano. Contando com duas unidades em Campinas localizadas no Gramado e no Alphaville com 1.100 alunos o foco das duas academias localizadas próximo a condomínios empresariais e residenciais de alto padrão é facilitar o acesso das pessoas na saída do escritório ou da residência de públicos classes A e B. Dentro do planejamento estratégico da Change está chegar a marca de 5 mil alunos até 2020 e com a abertura de 8 novas academias com cerca de 600 a 700 alunos. No segundo semestre de 2017 será inaugurada a terceira academia em Campinas e no primeiro semestre de 2018 a quarta unidade. As unidades serão inauguradas em Sousas e no Swiss Park. A partir daí serão mais 6 unidades em cidades da região de Campinas. O estudo contempla cidades como Indaiatuba, Valinhos e Vinhedo.

Os diferenciais que fizeram o negócio crescer quase 20 vezes em apenas oito anos são notáveis. Todas as decisões quAcademia (131)REDUZIDAe Luís Antônio Calicchio tomou em termos de investimento foram feitas com base em dados e estudo. O trabalho dos educadores físicos, na opinião dele, não pode ser diferente, por isso a Change Academia é a única a manter um departamento exclusivo para planejamento de treino, composto por uma equipe multidisciplinar. “Todo aluno passa por uma longa avaliação física inicial, para o entendimento de seus objetivos e necessidades, e o educador físico desenvolve junto com os fisioterapeutas, nutricionistas e médicos um planejamento semestral, subdivido em seis ciclos, para que seja garantido que no médio e longo prazo a atividade física seja benéfica ao aluno sem causar nenhum tipo de lesão. A gente desenvolve produtos. A equipe multidisciplinar é formada por médicos voltados para a parte esportiva, nutricionistas, educadores físicos e fisioterapeutas. Com essa equipe formatamos produtos para atendimento de públicos específicos com terceira idade, gestantes, pessoas que tem problemas na coluna e que devem ser tratadas de forma diferente”, explica.

A cada novo ciclo, oAcademia (94) aluno recebe um estímulo   diferente. Depois de seis meses, é recomendada uma nova avaliação física para atualização e planejamento de um novo período de treinos. O dia de apresentação do treino, cerca de uma semana após a avaliação física, tem horário agendado e recebe o nome de “Compromisso com o Sucesso”.

O espaço físico da Change Academia foi projetado por um escritório de Arquitetura de Resultados, buscando proporcionar acolhimento e uma área de convivência entre os alunos, ponto que Luís Calicchio considera fundamental para a manutenção da frequência. “Ambientes agradáveis facilitam a socialização. As pessoas acabam se conhecendo, cria-se uma comunidade que beneficia a empresa, pois aumenta o grau de retenção do aluno,  e a ele mesmo, pois diminui as chances de faltas”, diz.

Foi desenvolvida também uma fragrância exclusiva para a academia, com aromas estratégicos que estimulam não só o exercício, mas o bem estar do funcionário, que recebe treinamentos para receber bem todas as pessoas que chegam. “Estes itens, somados a uma recepção calorosa integrada por pessoas sempre dispostas a servir, completam o cenário e promovem o bem-estar dos alunos”, conclui Calicchio.

Foto 1 – Sócio da Change Academia, Luís Antônio Calicchio.

Fotos 2 e 4 – Alunos se exercitando na Change Academia.

Foto 3 -Parte dos equipamentos da Change Academia.

Crédito: Matheus Campos.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

ACIAS RECEBE COM ALÍVIO ANÚNCIO DA REABERTURA DAS ATIVIDADES COMERCIAIS

A Acias (Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Sumaré) recebeu com alívio o anúncio da …

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
LinkedIn