PAGUEVELOZ ENCERRA ATIVIDADE EM PROGRAMA DE ACELERAÇÃO COM APRESENTAÇÃO EM HUB DE EMPREENDEDORISMO DO ITAÚ

Depois de seis meses de envolvimento em atividades que visam alavancar os negócios, foi encerrado o ciclo de atividades batch 2 do Darwin Starter, uma das maiores plataformas de aceleração de Santa Catarina. Entre as startups que concluíram a participação no programa está a PagueVeloz, fintech que desenvolve soluções financeiras customizadas para nichos de mercado, atendendo pessoas físicas, micro, pequenas e médias empresas.PagueVeloz-161006-JoseHenriqueKracikdaSilva-Daniel-Zimmermann-4 (1)

A finalização do processo não poderia ocorrer de forma melhor: na última semana, junto a outras seis empresas, os sócios da PagueVeloz tiveram a oportunidade de fazer um pitch – apresentação rápida com o objetivo de despertar o interesse dos ouvintes – no CUBO, hub de empreendedorismo do Itaú.

Situada em São Paulo (SP), a estrutura recebe inúmeros profissionais, empresas e investidores em busca do compartilhamento e fortalecimento de negócios inovadores do país. “Desde 2013, quando iniciamos nosso negócio, vimos que a área das fintechs era algo diferente. O modo como pessoas e empresas lidam com suas finanças está se transformando e é uma grande oportunidade estarmos conectados com os principais nomes do Brasil, debatendo ideias e crescendo juntos. O programa de aceleração Darwin Starter colocou a nossa empresa em outro patamar, aproximando-a de grandes corporações do mercado financeiro e outros nichos de negócio. Foi um momento crucial pra gente e a finalização no CUBO nos mostrou que podemos ir ainda mais longe”, avalia o CEO da PagueVeloz, José Henrique Kracik da Silva.

Além do programa de aceleração Darwin Starter, a fintech catarinense já participou do Startup SC, outro projeto estadual para fomento de startups. No último mês também esteve entre as finalistas do Track, da Visa, que foca na aceleração de negócios inovadores.

A PagueVeloz surgiu como uma plataforma online que facilita o recebimento via cartão de crédito, o gerenciamento e emissão de boletos, a formulação do preço de vendas parceladas e pagamento de despesas com o saldo da conta do próprio sistema. Foi a primeira startup brasileira a lançar um aplicativo com comando de voz para transferências e até o fim do ano pretende aumentar em 500% o número de clientes e em 700% o volume de transações. Atualmente, são mais de 3 mil usuários em todo o país. Em 2016, movimentou mais de R$ 60 milhões em transações no cartão de crédito e R$ 200 milhões no boleto.

Foto: CEO da PagueVeloz, José Henrique Kracik da Silva.

Crédito: Divulgação.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

CASA REVIVA INAUGURA A PRIMEIRA EXPERIÊNCIA DE LOJA CONCEITO NO RIO DE JANEIRO

Os shoppings Rio Design Leblon e Rio Design Barra, no Rio de Janeiro, abrem suas …

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
LinkedIn