TRANSPARÊNCIA E AUDITORIA: OS MELHORES ALIADOS DA INSTITUIÇÃO

ARTIGO DE MICHAEL ALMEIDA

Dentro do fluxo hospitalar, todas as áreas possuem extrema importância para o bom funcionamento das operações e um atendimento de excelência para o paciente. Inclusive o setor de compras. Um medicamento em falta ou sem o controle do vencimento, ou até algum equipamento recém-comprado que apresente defeito, mesmo novo, podem atrapalhar e muito a assistência médica e o tratamento a quem entra na instituição.

Um processo que era bastante comum e ainda ocorre em muitos lugares é a compra via telefone ou até mesmo e-mail/mensagem. São práticas que felizmente vêm perdendo espaço.

Isso pode trazer um cenário perigoso, onde quem está do outro lado da linha pode oferecer alguns “benefícios” ou “vantagens” que não estavam planejados, que correm por fora das regulações do processo de compras.

Por este motivo a confiança na tecnologia ou nos processos virtuais tem aumentado, assim como a oferta dos próprios fornecedores nestas plataformas.

Por isso, muitos líderes têm buscado várias formas de automatizar e tornar o processo mais controlado. Segundo a 26ª CEO Survey, da PwC, 45% dos líderes da saúde no Brasil pretendem investir em ajustes na cadeia de suprimentos.

Dentre as inúmeras ações que podem ser feitas para evitar preocupações dentro do setor de compras está a implementação de ferramentas para melhorar a transparência e promover a auditoria das compras.

Quanto mais transparente o processo, melhor para a reputação do hospital e mais benefícios são gerados na assistência diária e no caminho para acreditações.

Tomando o exemplo da pessoa física, onde fazemos uma compra em grandes lojas do varejo, temos todo o processo documentado virtualmente, com mecanismos que asseguram a procedência da mercadoria e da própria aquisição em si.

Se já fazemos isso de maneira pessoal, para as nossas compras, por que não o gestor pode fazer isso também para a empresa?

Considerando todos os aspectos da evolução no setor de compras, onde o gestor de suprimentos tem papel fundamental para o preparo da organização, envolver a tecnologia no processo é sinônimo de segurança e de confiabilidade.

 

Michael Almeida é gerente comercial da Apoio.

Compartilhe:
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja também

LK DESIGN HOTEL TEM NOVA CARTA DE VINHOS E LANÇA BEBIDA DE MARCA PRÓPRIA

Um dos mais badalados hotéis da capital catarinense, o LK Design, renovou sua carta de …

Facebook
Twitter
LinkedIn